sexta-feira, 29 de maio de 2015

DIA DO DESAFIO MOVIMENTA ANÁPOLIS DE PONTA A PONTA


Na manhã desta quarta-feira dia 27/05 foi dada a largada a competição mais saudável que acontece em varias partes do mundo ao mesmo tempo, esse dia é denominado dia D (dia do desafio) que teve como tema SE VOCÊ MEXE, O MUNDO MEXE. O ano passado Anápolis teve uma marca de 52,26% de participação em todo o município, enquanto a cidade de Santa Cruz del Quiché na Guatemala que concorria com a nossa cidade teve 0,05%. Foi a oitava vitória do município goiano na competição, esse ano a cidade que duelou com Anápolis foi o município cubano, Camaguey. Esse ano a Escola viva foi a responsável pela realização do Dia do Desafio em Anápolis.
A abertura oficial do evento aconteceu com a apresentação das bandas militares da base aérea e Colégio Militar Dr. Cézar Toledo e da Banda Lira de Prata, ainda no período da manhã houve uma caminha com a participação dos alunos de educação infantil do sesc da escolas que ia participar da gincana, policia militar do estado de Goiás, Corpo de Bombeiros Militar, da Base Aérea, servidores do Sesc, Banda Lira de Prata e dos membros da Banda do Colégio Militar Dr. Cézar Toledo. Ainda no sesc foi realizado na parte da tarde alem da complementação da gincana uma tarde dançante que contou com a presença de mais de 300 idosos do Grupo Social com Idosos Vida Plena e do Centro de Convivência do Idoso da Prefeitura de Anápolis. Os alunos Atletas do projeto Zatopek também estavam presentes no Sesc onde eles realizaram uma prova de revezamento dois por dois em um circuito de quatro horas de duração sem intervalo.
Segundo o gestor da escola Viva Marcos Bonfim em entrevista ao site do Sesc, só entre as escolas municipais e estaduais de Anápolis, são mais de 70 mil alunos participando simultaneamente do evento, alguns estavam reunidos no Sesc, outros nas escolas, praças ou ginásios dos diversos bairros da cidade. “Como novidade para esse ano, realizamos a Gincana de Movimentos, com seis escolas por turno, disputando entre si, o maior número de movimentos em estações pré-estabelecidas dentro da área de recreação do Sesc”, definiu. O objetivo da gincana era melhorar o departamento de educação física da escola que atingisse a maior pontuação.